"Transforme a prática em ambiente de reflexão!"

Dica 3 :: Estimule ainda mais o engajamento.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Ouço com frequência a pergunta: como posso manter minha equipe engajada? E minha resposta é sempre a mesma: compartilhe suas perspectivas sobre o futuro e reconheça as contribuições das pessoas nessa jornada. Uma lição simples, mas não necessariamente fácil.

O primeiro desafio é reconhecer as perspectivas de futuro, considerando dois aspectos essenciais: (1) o cenário atual, encarando a realidade social, política e econômica com as qual precisamos aprender a lidar; e (2) os objetivos e metas da organização que apontam para aquilo que se espera das equipes, evidenciando que tipo de suporte será dado para suas realizações. Essas informações nos permitem desenhar múltiplos cenários para relacioná-los às expectativas individuais e também coletivas dos grupos de colaboradores. E o mais interessante é que grande parte dessas informações estão disponíveis na própria empresa, seja no seu Planejamento Estratégico ou nas pesquisas e levantamentos realizados pelas áreas de Marketing, Pesquisa&Desenvolvimento ou mesmo nos indicadores de mercado sobre Recursos Humanos. Mas poucas vezes isso tudo chega ao conhecimento geral das pessoas que fazem parte da organização, especialmente por serem tratadas como informações estratégicas, portanto reservadas à esfera da alta gestão.

Algumas dessas informações poderiam, por exemplo, quebrar vários paradigmas negativos, alimentados por uma mídia constantemente apocalíptica. Reconheço que haja fatos preocupantes, mas temos de convir que “notícia boa não vende jornal”, e como já argumentei no artigo Precisamos conversar sobre a crise, parte do cenário se mantém da maneira como está por conta do exercício especulativo, que também pode ser uma estratégia para gerar lucro em diversos casos.

Portanto, a perspectiva de futuro envolve elaborar [vários] possíveis cenários, sem ignorar os problemas, reconhecendo-os como desafios a serem enfrentados e superados. Essa visão desafiante precisa fazer parte também dos objetivos e metas da organização para então serem compartilhados.

Com as perspectivas claras e já compartilhadas, a relação entre líderes e equipes assume a dinâmica de um jogo. Com os objetivos e regras estabelecidos, passamos à missão de acompanhar os resultados, reconhecendo cada conquista e aprendizado, oferecendo constantes feedbacks, potencializando os talentos individuais e coletivos, entrando na dimensão do reconhecimento.

Quando um indivíduo ou grupo se percebe reconhecido, a expectativa de ver sua colaboração se transformar em algo concreto faz com que o sentimento de pertencimento se torne engajamento. Isso é o que se pode observar em organizações que compartilham suas perspectivas de futuro e reconhecem a colaboração de suas equipes.

Por isso a dica de hoje para um Papo Inspirador é compartilhar e reconhecer!

E você, como tem estimulado o engajamento em sua equipe e colegas? Experimente envolver as pessoas e reconhecê-las como parte da solução na construção dos melhores cenários de futuro.

 

Rafael Giuliano,
acreditando que sonhos precisam ser compartilhados para se tornarem metas. E metas são alcançadas por pessoas que se percebem reconhecidas.

Quer saber mais!? Conheça os Papos Inspiradores sobre esse e outros temas clicando aqui!

 

 

Conheça um Papo Inspirador sobre engajamento:

2 comments

  1. Muito bacana e inspiradora sua dica Rafael. Felizmente artigos como este permeiam estímulos salutares no desenvolvimento corporativo. Como bem especificado, cada vez mais torna-se imprescindível aos gestores estar atentos às perspectivas e suas constantes, em meio aos cenários desafiadores da atualidade, e assim no reconhecimento das “verdades”(alinhamento expectativas individuais e coletivas) do ambiente corporativo viabilizar engajamento nas primícias de que se dividindo(compartilhando) interesses e objetivos comuns, promoverá norte na evolução dos propósitos, produzindo assim naturalmente reconhecimento, este refletido em cascata à todos os níveis da organização. Parabéns e no aguardo de novas dicas!

    • Olá Marcelo,

      As dicas são reflexos das minhas observações, ora de melhores práticas ora da ausência de seu exercício.

      As pessoas precisam saber, inclusive que a organização confia nelas para se desenvolver.

      Obrigado por compartilhar sua perspectiva.

      Com apreço,
      Rafael Giuliano

Deixe um comentário